Mudanças nos sistemas de visto

Como sempre, mais mudanças no sistema de vistos da Turquia. Eu ainda não passei por este novo processo, estou apenas repassando informações. Seguem alguns sites com dados atualizados (em inglês):

http://www.yellali.com/news/article/152/transition-of-residence-permit-applications-update-from-british-embassy

http://www.theguideistanbul.com/news/view/1024/residence-permits-in-istanbul-all-you-need-to-know/

Renovando o visto de residência turca

Atenção ao prazo para agendar a renovação do visto de residência. Quando fui agendar o meu, só consegui data para depois de 4 meses! Por esse motivo, acabei ficando com o visto vencido por 2 meses.

O processo ainda está meio confuso e com algumas mudanças. A renovação não é feita na polícia federal mas sim num posto policial mais próximo da sua residência. Primeiro preenchi o formulário online e já escolhi data e hora. O agendamento tem que ser feito antes do vencimento do visto.

Nota: a partir do segundo pedido, os vistos são dados para 2 anos de residência, mas depende da validade do passaporte. Fiz um passaporte novo no consulado de Istambul, pois o meu só valeria por mais 1 ano. #ficaadica1

Documentos necessários para a renovação: 4 fotos tamanho passaporte, cópias das páginas do passaporte contendo dados pessoais, validade e carimbo da última entrada no país, 2 fotos do cônjuge, original e cópia da identidade turca do cônjuge, formulário de agendamento, plano de saúde (nova exigência – eu usei o do meu marido), comprovante de renda, comprovante de residência emitido e assinado pela prefeitura do seu bairro.  Paguei a taxa de (posto assim que lembrar o valor!) nesta unidade da polícia e tive que ir até a central da polícia federal para pagar a outra taxa (idem!!) e voltar com o recibo de pagamento para receber o protocolo. Numa cidade com o trânsito de Istambul, esse processo todo levou quase um dia inteiro! A previsão de entrega do visto era de 40 dias mas até hoje (50 dias) ainda não tenho o documento.

Como eu tinha uma viagem programada para o Brasil, e meu visto não sairia a tempo, precisei de uma autorização de saída e entrada no país. Tive que voltar na delegacia no dia seguinte para retirar esse documento (não paguei taxas pra isso).  No aeroporto, mais desinformação por parte do controle de imigração…. Quando apresentei meu passaporte e autorização de saída, o oficial me mandou voltar e procurar por um chefe de imigração num escritório dentro do próprio aeroporto. Burocracia resolvida, tive que voltar ao mesmo oficial e aí sim consegui passar pelo controle. Na volta à Turquia, mesma coisa! Apesar de a autorização especificar as datas de validade do meu visto, ainda assim me mandaram voltar até um chefe de imigração e só depois poderia receber o carimbo de entrada! #ficaadica2

Segundo informações da internet, o ikamet está de cara nova. O antigo “livrinho” será substituído por um cartão, e terá o mesmo modelo das novas identidades dos cidadãos turcos. Quando receber o meu, confirmo essa informação. Boa sorte!

residence-permit-turkey

UPDATE: O visto é realmente um cartão, como acima, mas sem foto. Se não receber em 30 a 40 dias, vá saber o que aconteceu. O meu estava com o bairro errado e foi parar em outra sub-prefeitura.

Renovando CNH vencida a mais de um ano

Minha habilitação venceu pouco depois que saí do Brasil. Fiquei fora do país por mais de um ano e achei que teria problemas para renovar quando voltasse… Mas o processo foi tranquilo e seguiu os mesmos passos de qualquer renovação. Não temos Poupatempo em minha cidade então, para agilizar, dessa vez fiz através de um despachante. Contatei um escritório confiável antes de chegar ao Brasil e já conseguimos um agendamento no Ciretran para o dia seguinte da minha chegada.

O despachante faz o agendamento com dados do RG, CPF (modelos mais recentes de RG já vem com o número do CPF) e habilitação vencida ou não. No dia e horário agendados fui até o Ciretran com os documentos acima + formulário de agendamento (feito pelo despachante). Lá eles tiram a foto para o documento, coletam as digitais de todos os dedos (eletronicamente) e encaminham para o exame médico. Consegui horário com o médico licenciado no mesmo dia mas tive que pegar um boleto e efetuar o pagamento em uma casa lotérica. O exame é bem simples: ler algumas letras a certa distância e identificar uma letra após receber uma luz forte nos olhos.

Levei os formulários de volta para o despachante logo em seguida e uma semana depois já estava com minha CNH em mãos.

Taxa do despachante: 150 Reais.

Taxa do exame médico: 66 Reais.

Número de Identidade turca – Yabancı Kimlik

Depois de receber meu visto de residência, era preciso ter um número de identidade, ou yabancı kimlik. Essa ID é necessária para abrir conta em banco, entrar no programa de saúde do marido, da empresa, etc. Não é necessário ter um cartão, apenas o número, que pode ser encontrado através deste link: https://tckimlik.nvi.gov.tr/YabanciKimlikNo/DogumYiliveIkametTezkereNoSorguModul.aspx

Preenchi o formulário com data de nascimento e número do visto de residência (tezkere) e o site já mostrou meu número de identidade, que deve começar com 9. É como se fosse um CPF. Guarde-o sempre com cuidado.

Promoção Valentine’s Day da Turkish Airlines

A Turkish Airlines tem preço especial em fevereiro para celebrar o Valentine’s Day: ao comprar passagens de ida e volta para o casal, para viajar entre 9 e 15 de fevereiro de 2014, o segundo passageiro paga apenas 1 Euro. Vários destinos saindo de Istanbul, incluindo Guarulhos.

http://www.turkishairlines.com/en-int/corporate/news/news/valentines-gift-from-miles-smiles

Visto de residência na Turquia – Tezkere

Assim como no Brasil, o casamento na Turquia não dá direito ao cônjuge estrangeiro de morar legalmente no país. É preciso pedir um visto de residência.  A descrição a seguir foi para a cidade de Istanbul. Não sei informar sobre o procedimento em outras cidades.

Atenção: o visto de residência para casamento começou a valer a partir da data do agendamento online. A próxima data disponível pode ser somente dois meses pra frente e o visto demora um mês para ficar pronto!

Passo a passo:

Preenchi e imprimi o formulário online: https://e-randevu.iem.gov.tr/yabancilar/islem_sec.aspx

Formulario

Meu endereço colocado no formulário correspondia com o cadastrado na prefeitura.

Ao completar o formulário já tinha data e horário para comparecer na delegacia de polícia.

Documentos necessários que apresentei no dia marcado: formulário + 4 fotos suas + 2 fotos do cônjuge + seu passaporte válido + cópia do seu passaporte (página com seus dados e página com o carimbo da última entrada na Turquia) + ID do cônjuge.

Recomendo levar fotos e cópias já preparados com antecedência. É possível fazer tudo isso lá mas as filas são enormes e demoradas!

Para o primeiro pedido de visto paguei uma taxa de cerca de 480TL para o processo + 198,00TL pelo visto propriamente dito. O pagamento das taxas foi feito lá mesmo e somente em dinheiro (Lira turca).

tezkere

Ao chegar na delegacia, houve um controle de segurança na entrada. Depois disso foi preciso encontrar o guichê correspondente ao número do meu cadastro (no meu caso,  1069, meu guichê era no térreo mesmo). Após a primeira etapa, paguei a primeira taxa (+- 480TL – o caixa também estava no térreo). Voltei ao guichê, que preparou a papelada e me mandou pagar a outra taxa (198,00 TL – desta vez, no primeiro andar do prédio). Após esse segundo pagamento, voltei mais uma vez ao primeiro guichê, com o recibo. Dessa vez receberi um canhoto com meus dados e a data em que deveria retirar o visto.

O cônjuge deve estar junto pois ele/ela deverá escrever e assinar uma declaração na frente do oficial. Outro motivo: as filas são confusas e a comunicação não é muito clara…

Boa sorte!

UPDATE 02/01/2014: A partir de abril de 2014 os vistos de residência, entre outros, não serão mais processados pelas delegacias de polícia.